San Diegirls

O Blog Mágico de San Diego

Blog

Novidades sobre o filme de Jogos Vorazes

Posted by San Diegirls on September 2, 2010 at 7:32 PM

O The Daily Beast publicou uma matérias sobre o filme de Jogos Vorazes, sobre a dificuldade em adaptar a história sem transformar o filme em algo violento demais e ainda assim manter o clima de suspense do livro. E segundo eles, o roteiro já está pronto e estão em busca de um diretor... Quem sabe esse filme sai antes do que esperávamos?



A dificuldade de traduzir o livro para filme é aparente; Jacobson e a Lionsgate dizem que o filme será feito para o público-alvo dos livros, de 12 a 18 anos, e por isso eles querem uma classificação PG-13 (a classificação “12 anos” aqui do Brasil). O diretor editorial da Scholastic Press, David Levithan, relembrou sua hesitação com a premissa. “Oooh, isso soa brutal,” ele lembra ter pensado. “Eu admito que muitos de nós, baseados somente no sumário, achamos que isso seria um grande desafio. Não somente para nós, mas para Suzanne.”


“E então o primeiro livro chegou e todos nós ficamos impressionados.” Collins, que atualmente está numa turnê de 12 cidades para promover Mockingjay, ainda se surpreende com a popularidade que a série ganhou. Centenas de fãs compareceram a uma festa de lançamento à meia noite na Books of Wonder de Nova York, e uma Suzanne surpresa disse à multidão: “Eu não sabia que haviam tantos de vocês até que eu saí.” Antes de escrever Jogos Vorazes, ela escreveu a série infantil Gregor, o Guerreiro da Superfície e trabalhou como roteirista de programas infantis.


A mãe de dois filhos de Connecticut diz que estava mudando de canal entre reality shows e matérias sobre o Iraque três anos atrás quando teve a ideia para Jogos Vorazes. “Em um canal jovens competiam por dinheiro. No outro, jovens lutavam por suas vidas. Eu estava cansada, e as ideias se misturaram,” ela disse ao USA Today em entrevista setembro passado. Combinado com um dos mitos gregos sobre Teseu – similarmente sobre um grupo de jovens enviados a um labirinto para serem devorados por um Minotauro – Collins formou o quadro para sua história pós-apocalíptica.


Em Jogos Vorazes, Katniss e outros 23 competidores entre 12 e 18 anos são presos em uma arena gigantesca até que somente um deles sobreviva. Durante os jogos, ela luta com a ideia de tentar viver quando isso significa que os outros competidores devem morrer. E enquanto Katniss consegue desafiar a Capital de pequenas maneiras de dentro da arena, o livro não foge do inevitável, tampouco parece saborear a descrição de mortes por facadas, insetos, ou algo pior. O teste para os produtores do filme será manter a mesma linha. “A ética do livro é clara, e acharemos um diretor que consiga lidar com o material da maneira correta,” Jacobson disse. “Suzanne estava justamente preocupada que isso teria o potencial de se tornar algo que ela odiaria, glorificando a violência que o livro pretende criticar.”


“Esse foi nosso argumento para Suzanne, na verdade – você não quer que o filme se torne uma versão própria dos Jogos,” ela continuou.


Collins escreveu um rascunho do roteiro, e Billy Ray, que escreveu Intrigas de Estado e adaptará o drama de ação da Fox 24 para um filme, revisou e dilapidou o roteiro. Os produtores estão procurando um diretor.


Presidente de produção da Lionsgate, Alli Shearmur reuniu os chefões do estúdio ao telefone quando chegou o momento de convencer Jacobson de que eles estavam em sincronia. “Isso nunca acontece num estúdio grande,” Jacobson falou. “Nós todos éramos somente fãs, muito investidos emocionalmente.”


Jogos Vorazes encontrou fãs mais velhos além dos animados produtores, que é uma boa notícia para uma possível franquia cinematográfica; Levithan estima, baseado em comentários e na página oficial da série no Facebook, que metade dos leitores é adulta. O apelo popular do livro, ele explica, pode ser atribuído a qualquer um de vários de seus temas. “Ele toca na cultura do medo em que vivemos, definitivamente... Mas também é acessível de outras maneiras. Tem ação, uma triângulo amoroso, uma personagem principal forte, ficção científica...”


Todos os envolvidos concordam que o filme deve agradar os mais velhos, mas “absolutamente deve ser PG-13,” Jacobson disse. “Seria errado fazer a versão R(“18 anos”, aqui no Brasil) dele.”


“As situações são tão intensas e assustadoras; será somente uma questão de criar suspense,” ela afirmou. “O poder de um filme pode ser tanto sobre o que você não vê quanto sobre o que você vê.”


Fonte: The Daily Beast

Traduzido por Ana Carla

 

Categories: Distrito 13, Noti�cias

Post a Comment

Oops!

Oops, you forgot something.

Oops!

The words you entered did not match the given text. Please try again.

Already a member? Sign In

0 Comments

Categories